26 C
Rio de Janeiro

Voluntários recolhem 80 kg de resíduos na praia do Leme

Mais lidas

eco21
eco21https://eco21.eco.br
Nossa missão é semear informação ambiental de qualidade.

Mutirão de limpeza organizado pelo Movimento Plástico Transforma e pelo Recicla Orla aconteceu no último sábado e reuniu mais de 60 voluntários

Mais de 60 voluntários recolheram no último sábado (26), 80 quilos de resíduos recicláveis na praia do Leme, no Rio de Janeiro. A ação foi organizada pelo Recicla Orla, projeto de sustentabilidade da Orla Rio com a startup Polen, juntamente com o Movimento Plástico Transforma, iniciativa criada pelo Plano de Incentivo à Cadeia do Plástico (PICPlast).

Os voluntários realizaram a coleta dos materiais recicláveis encontrados nas areias e participaram de uma pré-triagem educativa, em que puderam aprender um pouco mais sobre os resíduos  recicláveis e os problemas provindos do descarte incorreto desses materiais.  Dentre os resíduos coletados, havia garrafas de vidro, embalagens de papel, latinhas e embalagens plásticas como as de salgadinhos, garrafas de água e refrigerante, sacolas e canudos, indicando a importância do entendimento da população sobre os resíduos e seu descarte correto.

Todo o material      coletado foi      transportado para a central de triagem do Recicla Orla, em Santo Cristo, onde foram separados por tipo e enfardados para serem encaminhados à indústria para reciclagem. O próximo passo é vender os fardos às indústrias recicladoras para que retornem à cadeia produtiva, fechando o ciclo da economia circular.

Os participantes do mutirão de limpeza também puderam acompanhar uma palestra com Simone Carvalho e Mariana Fernandes, ambas do Grupo Técnico do Movimento Plástico Transforma, Vinicius Peruzzi, professor do Departamento de Biologia Marinha da UFRJ e Nathalia Barreto, gerente de sustentabilidade do Recicla Orla. Foram transmitidas     informações sobre      os problemas ocasionados em razão dos desvios de descarte, sobre a importância do envio para a       reciclagem, e sobre a necessidade de ampliar a circularidade desses materiais. Os voluntários aprenderam, por exemplo, que o plástico é um material bastante versátil e que, quando descartado corretamente, pode ser transformado em diversos produtos, o que viabiliza ainda mais seu reaproveitamento e reciclagem.

“A mobilização e a conscientização da sociedade são necessárias para reduzirmos consideravelmente os resíduos nas areias das praias. Acreditamos que é possível realizar uma gestão mais eficaz dos resíduos plásticos que, se destinados corretamente para a reciclagem, têm um alto potencial de se transformar e retornar à sociedade”, explica Mariana Cardoso, do Movimento Plástico Transforma.

O Movimento Plástico Transforma busca, por meio de diversas ações e conteúdos, mostrar a importância da economia circular e do poder transformador do plástico. No ano passado, por exemplo, a iniciativa recolheu os copos plásticos da 96ª Corrida Internacional de São Silvestre, reciclou e os transformou em caixas organizadoras, que foram entregues para alunos e professores de escolas públicas. Em 2019, a mesma ação possibilitou que os copos virassem lixeiras.

Sobre o Movimento Plástico Transforma 

Criado em 2016, o Movimento Plástico Transforma tem como objetivo promover conteúdo e ações educativas que demonstram que o plástico, aliado à tecnologia, à criatividade e à responsabilidade, traz inúmeras possibilidades para os mais diferentes segmentos. Além do site, em que é possível encontrar conceitos importantes sobre aplicações, reutilização, descarte correto e reciclagem do plástico, o Movimento é responsável por diversas ações voltadas à sociedade que juntas já impactaram mais de 200 mil pessoas. A iniciativa é uma ação do PICPlast – Plano de Incentivo à Cadeia do Plástico fruto da parceria entre a ABIPLAST e a Braskem. Para mais informações acesse as redes sociais: FacebookInstagramLinkedIn e YouTube

Sobre o Recicla Orla

O Recicla Orla é um projeto de sustentabilidade de coleta e reciclagem de resíduos sólidos descartados na orla do Rio. Criado em 2019 pela Orla Rio em parceria com a Polen, startup de sustentabilidade, e com apoio do iFood, o projeto consiste na colocação, gestão e operação de pontos de entrega voluntária localizados nos quiosques da orla. Dessa forma, tanto os frequentadores da praia, quanto os quiosques da orla e até mesmo os moradores da região dispõem de uma alternativa sustentável para descarte de seus resíduos pós-consumo. Todo material coletado é reciclado e volta para o ciclo de produção. Desde o início do projeto, já foram recicladas mais de 1763 toneladas de materiais, como plásticos, papéis, vidros e metais. Atualmente, temos PEVs instalados em todos os quiosques do Leme, Copacabana, Arpoador, Ipanema e Leblon, todos feitos com madeira plástica reciclada! Mais informações: Instagram e site.

Notícias relacionadas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Últimas notícias

- Publicidade -spot_img