27.4 C
Rio de Janeiro
spot_imgspot_imgspot_img
spot_img

Google Cloud apresenta novas soluções para ajudar as empresas a descarbonizar suas operações

Mais lidas

eco21
eco21https://eco21.eco.br
Nossa missão é semear informação ambiental de qualidade.

Anúncios foram feitos durante o Sustainability Summit que trouxe cinco novidades da empresa voltadas para sustentabilidade, incluindo a disponibilidade geral do Earth Engine para todos os clientes do Google Cloud

Durante o Sustainability Summit, realizado hoje (28/06/22), o Google Cloud apresentou ao mercado suas principais novidades que ajudam organizações de todo o mundo a reduzir o impacto ambiental de suas operações através da adoção de computação em nuvem. No evento, os executivos do Google Cloud também trouxeram mais detalhes sobre como a empresa está fornecendo aos clientes os dados necessários para tomada de decisões sustentáveis, além de permitir com que busquem atingir metas mais ambiciosas na redução do uso de carbono em suas operações.
 

Veja abaixo mais detalhes sobre as novidades do Google Cloud apresentadas durante o Sustainability Summit:

Novo Pacote Carbon Sense

  • Funções personalizadas de gerenciamento de identidade e acesso (IAM, na sigla em inglês) para visualização da pegada de carbono
    • Permite que usuários, mesmo aqueles que não tenham conhecimentos técnicos, consigam visualizar o painel da pegada de carbono, facilitando o acesso das equipes de sustentabilidade ou o desenvolvimento de relatórios para serem compartilhados dentro da empresa.
  • Modo de baixo carbono
    • Agora, administradores e arquitetos de nuvem conseguem transferir rapidamente os dados que armazenam para regiões que usam menos carbono dentro da infraestrutura do Google Cloud.
    • Para isso, a Cloud Region deve ter um índice de pontuação do Google Carbon-free Energy (CFE) acima de 75% ou, se a CFE% ainda não estiver disponível, apresentar uma intensidade de carbono da grade abaixo de 200 gCO2eq/kWh. A cloud region de São Paulo, por exemplo, opera com uma pontuação de 87%.

Relatório de pegada de carbono para o Google Workspace

  • O recurso irá mostrar as emissões brutas e impacto do uso das ferramentas do Google Workspace, além de filtrar por um período de tempo escolhido, como por exemplo mês, trimestre ou ano.

Disponibilidade Geral do Earth Engine

  • O Google Earth Engine agora está disponível para todos os clientes do Google Cloud, permitindo que as organizações, tanto empresas como setor público, combinem o poder da computação em nuvem, imagens de satélite e IA para descarbonizar suas operações.
  • Com o BigQuery, o Google Maps e o Earth Engine, o Google oferece uma poderosa combinação de produtos e soluções em nuvem geoespacial para atender às necessidades de análise de localização dos clientes, independentemente da escala, complexidade ou formato dos dados, permitindo que os clientes contribuam mais facilmente para os desafios em torno das mudanças climáticas e enfrentem seus obstáculos comerciais exclusivos que envolvem dados geoespaciais.

Programa Piloto de Energia Livre de Carbono 24/7

A fim de explorar maneiras de gerar impacto por meio de sua liderança em compras de energia limpa e objetivos de energia livre de carbono 24 horas por dia, 7 dias por semana, o Google está testando uma solução de software e dados de energia livre de carbono de ponta a ponta. A solução irá permitir que os clientes baseiem sua pontuação CFE existente e pegada de carbono de escopo 2; prevejam e planejem um portfólio de energia otimizado; e executem transações de energia sem carbono. Com isso, os clientes passarão a ter acesso a recursos como:

  • Dados históricos, em tempo real, regionais, horários, grade e emissões de carbono de todo o mundo;
  • Ingestão simplificada de dados específicos do cliente, como consumo de carga e geração renovável;
  • Ferramentas de análise e inteligência de negócios que fornecem insights e recomendações para ajudar a alcançar o CFE 24 horas por dia, 7 dias por semana;
  • Oportunidade de aderir ao movimento 24 horas por dia, 7 dias por semana para descarbonizar a rede e acelerar o Net Zero ao aderir ao Carbon Free Energy Compact.

Hub de soluções de sustentabilidade no Google Cloud Marketplace

  • Foi criada a designação de sustentabilidade “Google Cloud Ready”, que torna mais fácil para os clientes identificar soluções de parceiros verificadas pelo Google Cloud. Essas soluções, agora, estão disponíveis no novo hub de sustentabilidade localizado no Google Cloud Marketplace, facilitando com que os clientes encontrem o parceiro e a soluções ideias para enfrentar seus desafios relacionados ao clima.

Pesquisa “CEOs estão prontos para financiar uma transformação sustentável”

Em abril deste ano, o Google Cloud realizou uma pesquisa global, em conjunto com a The Harris Poll, para entender como executivos C-level enxergam a transformação de seus negócios por meio da sustentabilidade como prioridade para investimentos em 2022. O Brasil foi um dos países abrangidos pelo estudo, que revelou os seguintes dados:

  • 72% das organizações no Brasil consideram a otimização das experiências do cliente uma prioridade para a organização. Já no México, este índice é de 58% e em Singapura de 64%.
  • 24% dos executivos do Brasil concordam que sua organização está implementando ativamente três iniciativas de sustentabilidade, ao passo que na Austrália este índice é de apenas 16%.
  • 67% das organizações no Brasil priorizam planos para reduzir o uso de energia ou migrar para energia renovável, o maior percentual registrado globalmente. Na França, por exemplo, apenas 55% dos executivos têm essa prioridade.

Notícias relacionadas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Últimas notícias

- Publicidade -spot_img